Mais quatro empresas recebem certificação MPT.Br

Mais quatro empresas acabam de ter seus processos de teste enquadrados nos níveis de maturidade do modelo MPT.Br (Melhoria do Processo de Teste Brasileiro). Informata, GCF e Cartello receberam a avaliação nível1, enquanto a Brisa recebeu a avaliação nível 2.

Segundo Matheus Souto Maior, Gerente de Fábrica da Informata Soluções Comerciais e Gestão de Estoque, “Para alcançarmos nossos objetivos de busca contínua pela qualidade dos produtos que entregamos ao cliente, o MPT tem sido parte importante para transformar esse nosso desejo em realidade. Precisamos continuar evoluindo, trabalhar com qualidade e testes é algo que precisa ser encarado como prioridade pra qualquer prestador de serviço que trabalhe com Software”

Juliano Sultanum, Diretor da GCF Sistemas LTDA declarou:“A GCF já possuia uma área de qualidade focada nos testes dos nossos sistemas. Porém, era visível a necessidade de otimizar e gerenciar melhor todos os processos do teste de software da forma a torná-los mais estruturados. Acreditamos que o primeiro passo foi atingido com a implantação do MPT.Br nível 1 e como conseqência a conquista da certificação. A GCF agora caminha para atingir o nível 2 do MPT.Br. Desta forma, sempre buscando a melhoria continua nos processos de envolvem o desenvolvimento de software, que esperamos atingir o objetivo de fornecer aos nossos clientes um produto de qualidade. Posso citar como as principais etapas para a implantação do MPT.Br nível 1 que envolve a Gerência de Projetos de Teste (GPT), os seguintes: promover as mudanças culturais que seriam necessárias para adequação do modelo, adequar o modelo para a nossa realidade e estimular a equipe de teste, para que que houvesse um empenho conjunto na promoção das mudanças que se seguiriam”.

Print Friendly